41 “Dois homens deviam a certo credor. Um lhe devia quinhentos denáriosa e o outro, cinquenta.