1 Ai da cidade ensangüentada! Ela está toda cheia de mentiras e de rapina! da presa não há fim!