27 O preguiçoso não apanha a sua caça; mas o bem precioso do homem é para o diligente.