4 Mas, para que não te detenha muito rogo-te que, conforme a tua eqüidade, nos ouças por um momento.