17 Suave é ao homem o pão da mentira; mas depois a sua boca se enche de pedrinhas.