17 “No dia em que eu agir”, diz o SENHOR dos Exércitos, “eles serão o meu tesouro pessoal.a Eu terei compaixão deles como um pai tem compaixão do filho que lhe obedece.