3 Não é a destruição para o perverso, e o desastre para os obradores da iniqüidade?